Projeto mapeia feiras da capital e disponibiliza as informações em um site

Em tempos de compras pela internet e entregas em domicílio, ainda tem muita gente que prefere colocar o pé na rua para fazer o sacolão na feirinha próxima à sua casa. Há também quem atravesse a cidade para comprar flores na feira semanal da avenida Carandaí.